Bupropiona emagrece? Sim. Isso não quer dizer que você deve usá-la para tal.

Bupropiona emagrece? Sim. Isso não quer dizer que você deve usá-la para tal.

31 de julho de 2015

É verdade que a Bupropiona emagrece? A Bupropiona é um medicamento antidepressivo usado por algumas pessoas que buscam perder peso com remédios. Eu não recomendo o uso para este fim, pois o medicamento provoca a perda de apetite apenas como efeito colateral – e por isso é utilizada por pessoas que buscam emagrecer – mas também outros sintomas que podem ser altamente prejudiciais à sua saúde.

Mesmo que haja quem diga que emagreceu com a bupropiona, a verdade é que seus resultados com essa finalidade são pouco significativos, o que não compensa justamente pelos motivos que citei acima. É aquela história que sempre batemos na tecla aqui no Comece a Emagrecer: Ok, legal, bacana, o remédio realmente faz o serviço e você emagrece, mas o que diabos faz você pensar que isso é algo sustentável, que você assim permanecerá e viverá feliz para sempre, curtindo seu novo corpo? Aposto que nem um plano para isso você tem, e bom, prepare-se para quando o apetite voltar com tudo. Boa sorte, porque você vai precisar!

Além disso, pacientes com a doença depressiva que tomam esse remédio costumam combiná-lo com outros, os quais em conjunto acabam fazendo a pessoa perder peso. Mesmo que não seja esse o objetivo da combinação, o paciente acaba realmente emagrecendo, o que pode não ser um benefício propriamente dito naquele caso em especial. Nem todo mundo que está em depressão necessariamente está acima do peso.

banner método emagrecimento fácil

Isto posto, vamos conhecer para que serve (de fato) a bupropiona.

Quais são as indicações reais da Bupropiona?

Bem, esta droga possui uma ação inibidora da recaptação de dois neurotransmissores, a dopamina e a norepinefrina, embora nem a indústria farmacêutica saiba explicar exatamente como isso ocorre. Grosso modo, quanto menor a receptação (que é a eliminação dos neurotransmissores), maior será a concentração deles, e maiores serão seus efeitos. O fato é que, com esse efeito, os sintomas da depressão sofrem diminuição com o uso constante, permitindo que pessoas com essa doença possam ter mais qualidade de vida.

O remédio também induz à síntese da endorfina, e é isso que provoca a redução do apetite. Mas o efeito esperado com o aumento da endorfina é a redução da ansiedade, que ajuda a diminuir os sintomas da dependência química. Pode-se perceber, através de muitos estudos, que a ansiedade é, em muitos casos, o motivo pelo qual as pessoas fumam e comem em excesso. Aliás, um clichê clássico é alguém que está tentando largar o vício do cigarro, de repente começar a engordar. Isso acontece porque certos nutrientes (em especial açúcar e carboidratos) são capazes de agir no cérebro, causando uma sensação de prazer momentânea, e aliviando sintomas de ansiedade. A pessoa está ansiosa por largar algo que lhe dá prazer, no caso o cigarro, e busca outras formas de obter prazer e aliviar a ansiedade, e entenda por outras formas: doces, balas, pizzas, bolos, chocolate, sorvete e você já imagina onde isso vai parar…

Mais informações sobre a Bupropiona.

bupropiona emagrece

Quando se fala em dietas milagrosas que emagrecem e em remédios que fazem o mesmo, é importante dizer que em um primeiro momento o usuário até pode perder alguns ou mesmo muitos quilos. No entanto, logo que parar com a medicação, os quilos voltam, pois o único responsável pela perde de peso consciente e com saúde é uma mudança de hábito para uma dieta saudável, seja reeducação alimentar, dieta mediterrânea, cetogênica, paleo, e outras sustentáveis a longo prazo. Procure alguém que tomou remédio para emagrecer e perdeu 40kg em 10 dia (exagero proposital aqui), e pode apostar que dali a alguns meses vai recuperar tudo, raras exceções.

Isso sem contar os efeitos negativos que um remédio usado sem necessidade pode trazer no longo prazo ao organismo. Entre eles, irritabilidade, tremor, hostilidade, agitação, ansiedade, suor em excesso, náuseas, vômitos, dor abdominal, insônia, palpitações, alergias, boca seca e aumento da frequência urinária e só de ler essa lista já dá medo. Vai encarar?

Embora não seja indicado o uso da bupropiona a nenhuma pessoa que não precise realmente fazer uso do fármaco, é contraindicado mesmo a pacientes que possuam epilepsia ou que sejam diagnosticados com demais distúrbios que provoquem convulsões. Também está proibido a pessoas com transtornos alimentares, leia-se anorexia e bulimia, bem como a gestantes e lactantes.

banner método emagrecimento fácil

Outro cuidado é quanto às combinações. De forma alguma a bupropiona pode ser ingerida por quem faz uso de suplementos para perda de peso, que na maioria das vezes, possuem estimulantes como cafeína e efedrina. A combinação de ambas pode causar ataques inesperados.

Como emagrecer então?

A melhor maneira de perder peso é reeducando a sua alimentação, sendo que o primeiro passo é alimentar-se com opções saudáveis e o mais naturais possíveis, montando sempre cardápios variados e equilibrados. É possível comer de tudo e não apostar em dietas milagrosas que promovem a perda de muito peso em pouco tempo, porém, que restringem em muito a sua alimentação.

Porém, quando se fala em comer de tudo, é tudo aquilo que é saudável, como as proteínas e mesmo carboidratos e gorduras. Quando são escolhidas as melhores opções de cada grupo alimentar é possível perder peso com saúde e aprender a comer corretamente para sempre.

Assim, as escolhas certas são os carboidratos complexos, como os grãos integrais, entre eles, o arroz e o trigo. Outras opções para emagrecer são as proteínas encontradas nas carnes magras e, inclusive, no peixe e nos ovos. Já ao ingerir gordura, que também é importante, deve ser por meio do azeite de oliva, abacate e nozes.

As frutas, legumes e vegetais são essenciais também, pois são fonte de vitaminas, minerais e fibra, que ajudam o intestino a funcionar bem e, por consequência, a perder de peso.

O importante é que você mantenha o foco no emagrecimento saudável, pois de outra forma, além de correr o risco de adquirir os quilos extras de volta, você ainda pode causar danos sérios à sua saúde. O segredo para emagrecer já é conhecido há milênios, mas muita gente insiste em procurar os atalhos e soluções milagrosas, quando não existe milagre: existe sim, um conjunto de hábitos e comportamentos que se executados na maioria do seu tempo, vão proporcionar todo o resultado que você tanto sonha e merece ter.

Descubra quais são os 7 alimentos que parecem saudáveis, mas que na realidade não são.

Sim, eu quero.

Publicidade

7 disseram o que pensam. Agora é sua vez.

  1. Preciso voltar a ser feliz comigo mesma!

  2. Uso bup mas estou perdendo peso isso eu nao quero mas no inicio eu nao estava tava mas agora sim faz dois anos e tbém uso quetro e rivotril o que pode esta acontecendo tenho medo de informa a meu medico pois tenho muito medo de troca de medicamento

    • Não entendi direito o que você quis dizer, mas não informar o seu médico é um erro grave. Com certeza ele estará preparado para sanar quaisquer dúvidas que você tenha.

  3. Estou muito preocupada com os efeitos colaterais com o uso do bup , medo da morte, medo se parar de tomar voltar a engordar td de novo .

  4. uso bup para libido e lexapro para ansiedade e donaren retard um terço estou emagrecendo e perdendo massa muscular mas nao quero ja sou magra o que fazer

  5. Uso bup para depressão, não emagreci nada ,queria muito pois estou a cima do peso

  6. Eu parei. De fumar a dois anos.engordei 20quilos.a endocrinologista receitou o bupium. So tomei uma caixa.sera q posso sugerir para meu médico trocar por fluoxetina? Sem dizer da minha Tpm q e horrível.

O que você pensa sobre emagrecimento e dietas? Escreva abaixo!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *