Cardapio para emagrecer: Um jeito surpreendente para criar o seu em 5 minutos.

Cardapio para emagrecer: Um jeito surpreendente para criar o seu em 5 minutos.

23 de junho de 2017

Um dos problemas clássicos que deixam muita gente com preguiça para começar a perder peso, é estabelecer um cardápio para emagrecer.

Principalmente porque as pessoas pensam em “fazer dieta”, e isso invariavelmente está associado a “comer comidas ruins”.

Ou pelo menos, comidas que você não está habituado a comer, porque graças a um fenômeno chamado “sequestro de papilas gustativas”, alimentos que não são ruins de verdade, passam a sê-lo, ao menos para você.

banner método emagrecimento fácil

Se você não conhece esse fenômeno, é mais ou menos assim que acontece:

– Existem “cientistas da alimentação” cujo objetivo é, através de produtos químicos diversos e substâncias que causam vicio, como o açúcar, causar sabores e texturas tão intensas nos alimentos industrializados, que não só nos fazem querer mais daquilo, mas com as quais a natureza não tem como competir. Imagine se você fosse dono de uma indústria e descobrisse um pó mágico que fizesse as pessoas consumirem seu produto sem parar, e sempre voltar para comprar mais? Você faturaria alto com a desgraça alheia!

– E com isso suas papilas gustativas se tornam praticamente insensíveis aos sabores naturais, e você passa a “não gostar” daquela salada, por exemplo.

Quer uma prova de que esse condicionamento acontece? Tente comer uma maçã, depois de comer algo bem salgado, e depois de comer uma barra de chocolate ao leite, e perceba que a doçura da maçã é bem maior depois de comer algo salgado, do que depois de comer o chocolate. Neste último caso, de doce a maçã não terá nada.

E quando você se livra desses produtos, outras coisas voltam a ser apetitosas. Seu paladar muda, pode apostar.

Assista a versão em vídeo:

banner método emagrecimento fácil

 

Aproveite e inscreva-se no nosso canal do Youtube clicando na imagem abaixo

Mas quem foi que disse que, para criar um cardápio para emagrecer, que este necessariamente tem que ter um gosto ruim?

E vamos demonstrar, neste artigo, como você pode criar um belo e saboroso cardápio para emagrecer. Já imaginou emagrecer comendo apenas comidas gostosas? Então continue lendo.

Criando seu cardápio para emagrecer

O princípio que vamos usar aqui é que existem muitas comidas saudáveis que você já gosta.

Muita gente pensa que comer comida saudável é ruim, que o gosto é terrível, e coisas do tipo.

Só que elas esquecem que diariamente, no meio das porcarias que comem, existem coisas que são saudáveis e que deveriam ter preferência, e não serem atores coadjuvantes da sua alimentação. Se você realmente detestasse alface, você acabaria tirando-a do seu Big Mac, não?

Sendo assim, vamos começar a construir o seu cardápio para emagrecer. Você vai precisar de caneta e papel apenas.

1º passo

cardapio para emagrecer: proteinas

Escreva pelo menos 10 alimentos ricos em proteínas, que você sabe que são saudáveis, e que você gosta. Alguns exemplos: peito de frango, peixe, carnes magras, queijo cottage, atum, salmão, ovos, etc.

2º passo

cardapio para emagrecer: carboidratos

Agora, escreva também 10 alimentos baseados em carboidratos, mas que você sabe que são saudáveis, bons para perder peso, e claro, que você gosta. Exemplos: arroz integral, pão integral, maçã, pera, morangos, batata doce, etc. A maioria dos vegetais usados em saladas (ex: alface) encontra-se neste grupo.

3º passo

cardapio para emagrecer: gorduras

E agora, você vai escrever 3 tipos de gorduras essenciais que você gosta de colocar nas suas saladas ou para cozinhar. Exemplos: Azeite de oliva, óleo de coco, manteiga.

4º passo

Após você fazer essa lista, o próximo passo não poderia ser mais simples:

Recuse-se a comer qualquer coisa que não esteja na lista!

Se você odeia pepino mas ama pimentão, deixe o pepino de lado e abuse do pimentão, por exemplo.

Um passo extra na construção do seu cardápio para emagrecer.

Faça uma lista com temperos que goste de usar, por exemplo, orégano, salsinha, curry, pimenta do reino, etc. Você pode utilizar esses temperos para dar mais sabor às suas porções de proteínas, ou para criar um delicioso molho para suas saladas, misturando com iogurte desnatado.

Concluindo

Faça isso, e o número de combinações de alimentos será enorme, o que garantirá para você um vasto cardápio.

Se ficou curiosa com a matemática, suponha que você faça esse cardápio no almoço e no jantar, e use apenas 1 ingrediente de cada grupo.

Neste caso, você terá um total de 300 refeições, ou um menu completo para 150 dias sem repetir – são 5 meses.

Garanto que nesses 5 meses comendo assim, só coisas gostosas, você perde até mais do que precisa perder em matéria de peso.

E se considerarmos usar mais de um ingrediente de cada grupo, as possibilidades aumentam ainda mais. E se você parar para pensar, eu sugeri 10 alimentos de cada grupo e 3 gorduras saudáveis, você pode até aumentar esse número e incrementar sua lista. Possibilidades praticamente infinitas.

Melhor, com a garantia que você gosta de todos os alimentos nele contidos. E ainda melhor, pois você sabe que esses alimentos são nutritivos, saudáveis e vão te ajudar a emagrecer.

 

Mas antes de prosseguirmos... Que tal conhecer um método de emagrecimento totalmente sistematizado e fácil, onde você não precisa abandonar totalmente os alimentos que tanto gosta e acabar de vez com o tal do efeito sanfona, mudando sua vida e saúde para sempre?

Você está a um clique de uma verdadeira revolução na sua vida. Se você precisa perder 10, 20, 30kg ou mais, veio ao lugar certo. E se precisa perder só alguns quilinhos, é mais rápido ainda. Nada de medicações, dietas milagrosas, nada disso. Até porque nada disso é necessário.

E você também vai conhecer 7 alimentos que você provavelmente acha que são emagrecedores, mas que na verdade promovem justamente o efeito contrário.

Clique aqui para saber mais e bem vindo à sua nova vida.

E é, ao contrário das dietas restritivas, algo sustentável, que você pode seguir para o resto de sua vida.

E ficará ainda melhor no futuro, pois à medida que seu paladar se adaptar, você não vai mais sentir falta das besteiras que comia, e provavelmente vai querer experimentar novas e saudáveis opções, o que vai alterar completamente o seu gosto, e por fim, seu estilo de vida.

E se ainda está cético quanto à mudança de paladar, compartilho com você a história de como um cara que simplesmente não podia ver salada na frente (eu), hoje em dia come salada no café da manhã, inclusive.

Em meus tempos de obeso devorador de porcarias, eu passava longe de qualquer salada. Quando resolvi tomar conta do meu destino, eu sabia que precisaria delas, e o caminho pelo qual comecei não poderia ser mais paradoxal: O Mc Donald’s. 

Sim, eu comecei a comer salada através de um negócio chamado McSalad Shaker. Era basicamente um copo de suco, mas cheio de vegetais, e você ganhava um sachê de molho (nada saudável, por sinal), e uma tampa para o copo. Era só jogar o molho no copo, fechar, e sacudir. Estava pronta a sua salada. 

Por causa do molho, eu comecei a comer mais salada. Ok, longe de ser o ideal, mas aquilo foi importante porque eu comecei a me acostumar com o gosto e a textura dos vegetais. E naturalmente, à medida que fui evoluindo em meus conhecimentos, comecei a dispensar os molhos, primeiro colocando cada vez menos, segundo buscando boas alternativas. 

Um passo importante foi quando decidi produzir meus próprios molhos, que eram simplesmente misturas de iogurte branco desnatado com temperos como orégano, curry e outros. E cada vez mais o gosto dos vegetais virava parte do meu dia a dia. 

O passo final foi chegar onde estou agora. Na minha salada, ou vai azeite (e acredite, eu detesto azeitona, mas aprendi a gostar do azeite, porque é um dos melhores amigos do seu organismo), ou simplesmente não vai nada! Nem sal. 

Isso simbolizou a “libertação” das minhas papilas gustativas. Se eu voltasse 10 anos e encontrasse comigo mesmo, a minha versão antiga jamais acreditaria que consegui chegar onde cheguei!

E deixo o convite para que você se junte a mim nessa jornada rumo a um corpo magro e muita saúde. E com as dicas deste artigo, isso será através de uma alimentação saborosa, libertadora, e principalmente, muito, mas muito saudável!

Veja Mais Sobre Como Emagrecer

Seja bem-vindo! Saiba quem somos.   Olá! Gostaríamos de te dar as boas vindas ao site. Esperamos que, aqui, você aprenda e encontre todas as informações de que precisa para cons...
17 dicas para perder barriga e nunca mais a encont... Se você é mais um na guerra contra a gordura abdominal, listamos neste artigo 17 sensacionais dicas para perder barriga. Principalmente, essas dicas ...
O pacotão de dicas de emagrecimento que fará você ... E seguimos em nossa missão para trazer as melhores dicas de emagrecimento para você.Hoje compilamos uma lista de 24 dicas, bem curtinhas e matador...
Comida saudável: 3 passos simples que farão você p... Uma alimentação composta de comida saudável é um dos objetivos mais comuns que todos nós temos.Ou pelo menos deveríamos ter.Mas isso certament...

Descubra quais são os 7 alimentos que parecem saudáveis, mas que na realidade não são.

Sim, eu quero.

Publicidade

Uma pessoa comentou aqui

  1. Acho que devemos nos alimentar de alimentos saudáveis, para termos uma vida saudável, por isso temos que restringir ao máximo os alimentos que só nos dá prazer, nada mais além, e como os prazeres são momentâneos, como por exemplo: doces em geral, gorduras do mal, chocolate, ao leite, somente os meio amargo e amargo. Bebidas alcólicas em geral, vinho tinto 1 taça. e muita atividade fisíca.
    Muito obrigada pelas dicas, essa sugestão de cardápio foi divina.

Trackbacks/Pingbacks

  1. Vinagre de maçã emagrece: um suplemento natural e seguro. - […] níveis de glicose e insulina. Mas isso não vai funcionar sozinho, é preciso aliar ao dia a dia um…

O que você pensa sobre emagrecimento e dietas? Escreva abaixo!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *