Compulsão por doces: A explicação (e solução) definitiva sobre porque eles te dominam.

Compulsão por doces: A explicação (e solução) definitiva sobre porque eles te dominam.

17 de setembro de 2015

É bem provável que você já tenha passado, ou passa, pela situação de sentir uma vontade absurda de comer algo doce.

Seja um sorvete, bolo, chocolate…

Mas por que será que isso acontece, e por que alguns têm tendência maior a sofrer com essa compulsão por doces do que outros?

banner método emagrecimento fácil

Por que, mesmo sabendo que não devemos, acabamos comendo?

Alguns profissionais de saúde defendem que certos alimentos são tão viciantes como a cocaína e a heroína, e até que a compulsão por doces é doença mesmo.

Outros acreditam que isso é besteira, que é apenas questão de controle da mente.

Então vamos analisar mais à fundo a questão.

Um estudo interessante feito em ratos, os alimentou com 25% a mais de glicose na comida, e teve como resultado que uma ingesta excessiva de açúcar levava a sintomas parecidos com os de abstinência de morfina ou nicotina.

Leia-se: os ratos haviam se tornado dependentes de açúcar.

Num outro estudo, aos ratos foram dados biscoitos recheados tipo Oreo.

banner método emagrecimento fácil

E foi descoberto que os biscoitos ativavam áreas cerebrais em intensidade maior que a cocaína e a morfina.

De fato, estudos onde ratos eram oferecidos água com açúcar e água com cocaína, os resultados foram devastadores, no sentido de que todos os ratos preferiam a água com açúcar.

E quando eram previamente viciados em agua com cocaína, bastava oferecer água com açúcar para que eles largassem a água com cocaína.

Uma quantificação desse vicio estimou que o açúcar vicia assustadoras 8 vezes mais que a cocaína!

Isso pode explicar, de certa forma, porque muita gente simplesmente não consegue resistir a alimentos semelhantes, mesmo que saibam o quão mal eles fazem. De maneira semelhante ao vício em drogas.

Um estudo semelhante, desta vez em humanos, sugeriu que o açúcar é mais viciante até que drogas, no caso, a cocaína.

Em resumo, consideráveis evidências sugerem que alguns alimentos podem disparar um vício.

Nestas condições, o cérebro se comporta da mesma forma como se fosse exposto às drogas clássicas.

Isso coloca em evidência que alguns indivíduos simplesmente perdem o controle sobre o seu consumo alimentar, sofrem com tentativas de reduzir a ingesta, e não conseguem ficar sem certos tipos de alimentos ou reduzir o consumo, face às consequências negativas.

Neste outro estudo, os pesquisadores concluiram que os alimentos produzidos com muito açúcar e farinha refinados, possuem as mesmas características viciantes do fumo.

Carboidratos altamente processados aumentam rapidamente a quantidade de glicose no sangue, e isso acaba estimulando as áreas cerebrais que estão envolvidas com o vício em nicotina e outras drogas.

Os viciados precisam continuar tomando quantidades grandes de suas drogas escolhidas. Eles têm dificuldades para parar, continuam fazendo mesmo sabendo das consequências negativas e se sentem deprimidos se pararem.

E parece acontecer a mesma coisa em relação aos carboidratos refinados.

Falando em fumo e açúcar, vale lembrar de um fenômeno muito comum em quem está tentando parar de fumar: a pessoa costuma engordar durante esse processo.

Uma explicação plausível é que a retirada de uma droga (nicotina) leva a um estado de ansiedade que outra “droga” (açúcar) é capaz de aliviar. E já sabemos as consequências de consumir muito açúcar para a sua relação com a balança.

Mesmo com essas evidências, não podemos afirmar categoricamente que o açúcar é tão viciante como as drogas.

Dizer que o açúcar é viciante poderá fazer com que se desenvolva uma histeria coletiva e irracional, a respeito de “medo de comida”. E isso não ajuda em nada.

O centro cerebral do prazer libera dopamina e serotonina em resposta a certos estímulos sensoriais. E praticamente tudo o que você faz envolve este centro do prazer.

Dentre algumas coisas que estimulam esse centro, com efeitos semelhantes: a batida de uma certa música que você goste, esportes radicais, cafeína, nicotina, álcool, drogas e gargalhadas.

Então quando os pesquisadores concluem que os efeitos do açúcar afetam o mesmo local que a heroína, isto é um fato, que não necessariamente torna o açúcar uma “droga”.

Mas explica porque alimentos com alto teor de açúcar, por todos os motivos citados, podem se tornar difíceis de resistir para muita gente. E também é certo dizer que muita gente está comendo açúcar demais.

Fato é que, comer muito açúcar leva a um hábito difícil de controlar. Suas papilas gustativas aprendem a amar os alimentos aos quais são expostas na maioria das vezes, e como resultado, acabam querendo mais e mais.

Quanto mais doce sua dieta se torna, mais açúcar você tende a querer. E é a mesma coisa com sal ou comidas temperadas.

E não tem jeito: para se livrar da sua compulsão por doces, você vai precisar no mínimo diminuir a quantidade de açúcar da sua dieta. Idealmente, você precisa saber como parar de comer doces.

Mas como controlar a vontade de comer doce?

reduzir doces da dieta.

Aprenda como reduzir os açúcares, de forma segura, da sua dieta.

  • Remova o estímulo

Pode parecer drástico, mas é preciso que você remova completamente o açúcar de sua dieta, como forma de retomar o controle de sua saúde.

O açúcar é diferente de outros alimentos no sentido que seu desejo por ele é reforçado no momento que você se descontrola e o ingere.

Se puder experimentar, pare de disparar esse gatilho por 5 a 7 dias, e note como se sente.

Isto vai lhe ajudar a normalizar sua tolerância ao açúcar, e depois disso, se quiser, você pode reintroduzi-lo na sua dieta novamente, e claro que em quantidades menores.

Uma boa estratégia para começar, é retirar alimentos com açúcar e doces de sua casa.

Não se dê a oportunidade de trapacear, pois no começo, sua força de vontade pode não ser o suficiente.

 

Mas antes de prosseguirmos... Que tal conhecer um método de emagrecimento totalmente sistematizado e fácil, onde você não precisa abandonar totalmente os alimentos que tanto gosta e acabar de vez com o tal do efeito sanfona, mudando sua vida e saúde para sempre?

Você está a um clique de uma verdadeira revolução na sua vida. Se você precisa perder 10, 20, 30kg ou mais, veio ao lugar certo. E se precisa perder só alguns quilinhos, é mais rápido ainda. Nada de medicações, dietas milagrosas, nada disso. Até porque nada disso é necessário.

E você também vai conhecer 7 alimentos que você provavelmente acha que são emagrecedores, mas que na verdade promovem justamente o efeito contrário.

Clique aqui para saber mais e bem vindo à sua nova vida.

  • Otimize sua dieta

Comer bem também vai lhe ajudar a suportar a compulsão por doce.

Veja que quando seu organismo está bem nutrido, livrar-se do hábito de comer doces é totalmente possível.

Refeições balanceadas e nutritivas não só satisfazem, como vão te ajudar a controlar ou eliminar seus desejos.

Sugerimos que reserve metade da sua refeição para vegetais, adicione uma boa porção de proteínas, alguns legumes, e alguns óleos e gorduras saudáveis.

Uma dieta saudável não vai acabar com suas compulsões da noite para o dia, mas é essencial se você pretende reduzir permanentemente a sua ingesta de açúcar, porque garante que seu corpo vai ter tudo o que precisa.

Escolha alimentos que são nutritivos e saciantes ao mesmo tempo, como nozes, iogurte natural, frutas, vegetais, azeitonas, óleo de coco, etc.

  • Mude seu comportamento

É bom lembrar que todos os desejos acabam passando, mesmo que você os sinta em determinado tempo.

E é aí que as distrações entram em campo.

Novamente, será algo bem individual, mas se seus desejos são ativados por um determinado ambiente, hora do dia ou situação, então você vai precisar criar uma solução baseada nisso.

Sugerimos planejar antecipadamente como você vai lidar com o desejo quando ele surgir.

Não deixe apenas acontecer, porque você estará “indefeso” e propenso a falhar. Lembre-se que o fracasso ao planejar é a mesma coisa que planejar o fracasso.

Seu plano de ação pode incluir estratégias como evitar passar em frente à loja de doces que você é cliente.

Ou então escolher alimentos e bebidas diferentes em certas atividades, por exemplo, chá ao invés de café com leite e açúcar). Escolher outras atividades, por exemplo, ir à academia ao invés de ir ao cinema. Deu para pegar o sentido geral da coisa, não?

Será trabalhoso nos primeiros dias, mas insista e você começará a notar seus desejos por doces diminuirem.

  • Manutenção

Posteriormente, você continuará a manter um consumo de açúcar mais baixo do que o anterior.

Isso vai ajudar a solidificar seus novos hábitos, susbstituindo os antigos que te fizeram tanto mal.

Após o estágio inicial, você pode recomeçar a ter alimentos doces em sua dieta aqui e ali.

Porém, sempre que estiver buscando algo doce para comer, questione-se o porquê de estar levando aquilo à sua boca.

É um hábito? Circunstância? Uma ocasião esporádica? Ou só porque todo mundo está comendo?

O objetivo de fazer tudo isso não é que você simplesmente pare de comer doces, mas te ajudar a achar um caminho para permitir que eles sejam permitidos na sua dieta sem que sejam um hábito constante e frequente.

E você? Tem alguma compulsão por doces? Como lida com isso?

Vídeo gratuito ensina como acabar com o desejo por doces e refrigerantes. Clique para assistir!

Sim, eu quero.

Publicidade

19 disseram o que pensam. Agora é sua vez.

  1. No meu caso, uma obesa morbida, penso que o emagrecimento e necessario, mas quase impossivel de seguir uma dieta, porque requer muito tempo para a perda de todo peso excedente e isso causa um grande desanimo e desesperanca.
    Tudo isso e muito triste, mas…uma grande verdade.

    • Estou a duas semanas sem comer doces, era viciada comida todos os dias pelo menos 4x ao dia. Engordei 8kg em meses, estava dando tonturas e dores de cabeça. Acordei em uma segunda feira e decidi mudar minha vida meus hábitos. Estou sem doce a duas semanas, entrei no Jump e Ginastica Localizada já emagreci 1kg e as tonturas e dores de cabeça sumiram. Sinto vontade do doce mas me controlo, tenho que gostar mais de mim. É muito triste se olhar no espelho ver seu corpo mudando porque esta sendo manipulado então basta apenas foco e forca de vontade que tudo evolui. Estou feliz e animada com os resultados. Muito bom esse post, incrível e incentivador.

    • Cida, o tempo vai passar de toda maneira. Use o tempo para se amar. Digo por mi que estou vivendo várias coisas difíceis e sou viciada em doces… não é só sobre o peso, é por você! Receba um abraço.

    • Muito triste mesmo eu só conseguia dormir depois de passar no MC Donald’s e comprar mais de 1 Lanche, refri, batata, sorvete.. no outro dia parecia que eu tinha uma usina de ácido no meu estômago. Isso não é vida.

  2. Penso que é impossível. Já perdi peso diversas vezes e ganhei tudo de novo. Gosto de doces porque gosto de doces. Não os como porque estou chateada ou porque estou nervosa. Como doces porque gosto. Infelizmente gordo só gosta do que engorda…não vou deixar de gostar de doces se ficar um tempo sem comê-los. Não vou achar nunca que a alimentação saudável é mais gostosa ou interessante do que o que gosto de comer de verdade.
    Enfim, gordo é gordo e magro é magro, simples assim.
    Ou se aceita como é ou vai viver em uma eterna prisão.
    Não digo que não dá para melhorar a qualidade de vida. Mas não foque no que é impossível, pois é muito sofrimento.

    • Elaine, eu pensava igualzinho a você.

      Eu mudei. Não tenho saudade nenhuma daqueles tempos. Gosto de porcarias? Gosto. Mas gosto mais de ser magro, e isso faz toda a diferença. Incontáveis exemplos de gente que mudou, inclusive os gostos. Fazendo uma provocação, pensamentos como o que você manifestou são justamente o que a indústria alimentícia quer, porque assim você passará a vida gastando seu dinheiro para o sustento deles. Garanto que o meu eles não vão ver!!!

      E não me sinto preso de forma alguma. Me sentia preso naquele corpo 30kg mais gordo que eu tinha.

      As pessoas mudam. Resta saber se elas querem ou não mudar!

    • Eu não aceito ser gordo ser referência pras pessoas, então quem manda em mim o cérebro ou a boca? Nem gordo nem magro quero o meio termo e tô chegando lá.

  3. parei de fumar e sinto uma vontade enorme de comer doce.. tá tão difícil!

  4. Gostaria muito de agradecer ao site por essa matéria, achei fantástica! Sofro com problemas em relação à doce e ao ler esse texto minha esperança voltou, consegui enxergar uma solução. Tentarei, com certeza, seguir as dicas que foram apresentadas! E novamente agradeço muito, porque sei que o autor dedica o seu tempo para estudar, construir o texto e isso é trabalhoso…É uma dedicação que não se limita somente em ter criado essa matéria, mas em ajudar várias vidas, porque é exatamente isso que esta acontecendo, pessoas como eu, que já não sabiam mais o que pensar ou o que tentar fazer, e agora podem ver uma possibilidade, que ganharam por meio do site e do autor, uma chance.

    • Comentários como esse é que fazem valer a pena o trabalho! Obrigado!

    • Panela senti o mesmo q vc!
      Estou nesse momento deprimida, triste, chateada comigo mesma por não conseguir resistir ao açúcar! Vou tentar! Obrigado!!!!

  5. Estou com grandes dificuldade de parar de comer doces ja engordei mais de 10 kg depois que tive minha filha e adquiri diabetes E mesmo assim ainda sofro muito E deslizo direto.

  6. OI…..tbm.gostaria de AGRADECER ESTE SITE MARAVILHOSO!!!
    Estava de Reeducação Alimentar há 53 dias e comecei a desanimar!
    Aí encontrei este site e adorei o texto sobre Compulsão por Doces!
    Os comentários dos “colegas”acima tbm.me ajudaram mto pois estou vendo que nao estou só nesta batalha e que sou humana como todos!
    OBRIGADA MAURÍCIO POR TODO ESTE TRABALHO ÁRDUO!!!!

  7. Olá, tenho 27 anos e estou tentando reeducar minha alimentação há cerca de 6 meses, acompanhada por nutricionista e fazendo exercícios físicos na academia. Mas me sinto, efetivamente, uma viciada em chocolate, tal como alguém que o é, por crack. Sempre fui considerada muito bonita, mas há uns 4 anos, comecei a engordar e sou infeliz com o corpo que tenho. Sei que o chocolate não me fará bem, mas como, depois me arrependo e tenho vontade de vomitar. Não vomito, porque senão, além de compulsiva, me tornarei bulímica, mas já não sei o que fazer… Tenho fases que jogo todos os doces de casa fora e me controlo, já outras, que compro o maldito doce e me esbaldo. Parece que o doce é mais forte do que minha vontade de voltar a ter um corpo bonito e ser feliz. 🙁

    • Day, de uma olhada aqui: comeceaemagrecer.com.br/dieta-cetogenica

  8. Olha,seriamente falando….O doce chama você! Não interessa o que você está fazendo, se você não se lembrar de comer doce pela manhã ou pela tarde, vai comer à noite.
    É assim por diante.
    Faz mais de um ano que estou tentando largar esse vício infeliz e eu não consigo, de jeito nenhum!
    Sinceramente eu não aguento mais. Já passei com psicólogo, já comecei inúmeras dietas, na tomei remédios naturais, já tentei calejar meu cérebro, já tentei não consumir doces durante a semana…Olha é tanta coisa que eu já fiz que não dá pra falar aqui. A única coisa boa disso tudo, é aprendermos que nada em nossas vidas é por acaso. E se a gente ganha muito peso comendo pouco, algo está muito errado em nosso organismo. Enfim, fui atrás de um endócrino, me pediu uma série de exames e não deu porcaria nenhuma. Menos mal! Mas fiquei com a pulga atrás da orelha porque engordei mais de 20 Kilos em 1 ano e meio. Procurei outro endocrinologista e descobri 3 doenças: Hipotireoidismo, Ovários Policísticos é começo de diabetes. Pois é! Tuuuuuuudo o que engorda mesmo. Ainda estou aqui tentando. Tomo os medicamentos regularmente todos os dias e sei que não vai ser fácil, mas vou persistir. Entrei na academia, estou conseguindo cortar uma série de coisas. À vista do que eu comia igual uma louca, estou conseguindo. Ainda não emagreci nenhum kilo. Quando consigo chegar em 2 menos, engordo de novo.
    Mas eu chego lá!
    Adorei a pesquisa… O post é fantástico.

  9. Eu tenho 20 anos e acredito ser compulsiva, eu sinto vontade absurda de comer chocolate, não qualquer doce; chocolate, bolo, sorvete, barra, torta, quae qualquer coisa de chocolate. Quando vejo eu fico olhando até ir e comprar, a menos que eu passe direto, quando tem eu não paro de comer até acabar, simplesmente não consigo me controlar. Eu como porque gosto, por ansiedade, felicidade, tristeza. Antes de eu começar a trabalhar, eu fazia auto escola, estudava e fazia curso, me senti mal por pegar ônibus para pular 3 pontos então fazia tudo andando, fazia 3 Km por dia e Krav Maga, então equilibrava as coisas, apesar de eu ainda ser gorda eu estava emagrecendo e só era acima do peso. Quando eu comecei a trabalhar no mesmo ano entrei na faculdade e peguei um carro, parei de fazer o pouco exercício que fazia, não tenho mais tempo para fazer nada e engordei 15 KG. Minha auto estima caiu e eu entrei em estado de Obesidade, me sinto infeliz como meu corpo e não consigo tempo para fazer um exercício.

  10. Também tenho uma compunção enorme por doces, as vezes tenho tontura e meus cabelos estão fracos talvez seja por isso… eu como muito doce, principalmente bolo é uma compunção horrível agora pouco tava comendo, mas hoje já comi, bobom, sonho, ovo de pascoa e bolo de cenoura, não dá mais! chega! não quero ficar com diabeti! quero mudar!

Trackbacks/Pingbacks

  1. Torne suas receitas mais saudáveis substituindo ingredientes - Comece a Emagrecer - […] De qualquer forma, existem algumas alternativas para o açúcar que você poderia usar, embora na maioria das vezes ,…
  2. Torne suas receitas mais saudáveis substituindo ingredientes | Innovarce - […] De qualquer forma, existem algumas alternativas para o açúcar que você poderia usar, embora na maioria das vezes ,…
  3. Orientações sobre produtos light. - Comece a Emagrecer - […] Mas há que se fazer um alerta também. Adoçantes podem manter ou estimular o desejo por ingerir doces, por…
  4. Alimentação saudável em 13 passos. - Comece a Emagrecer - […] Doces, biscoitos, bolos… Não precisa ser gênio para ver que isso acaba aumentando o tamanho das suas roupas. Mas…
  5. Compulsão alimentar: o que você precisa saber - Comece a Emagrecer - […] gordura, açúcar, sal e bioquímica do cérebro. Nessa mistura toda, como já demonstramos nesse artigo – mais especificamente sobre o…
  6. Dieta paleo: como fazer a dieta dos nossos ancestrais. - Comece a Emagrecer - […] que possuem açúcar adicionado. Aqui no Comece a Emagrecer, já falamos diversas vezes sobre os males relacionados ao açúcar.…
  7. Ansiedade engorda? | Comece a Emagrecer - […] o fato de alguns alimentos comumente usados nessa situação, como os ricos em açúcar, terem um potencial viciante, tem-se…
  8. 9 Vilões da Obesidade Que Você Precisar Combater a Qualquer Custo ( o #8 é fundamental) - […] criam um estímulo poderosíssimo dos centros de recompensa do cérebro. Como já citamos aqui, o açúcar acaba criando uma reação…
  9. Os males do refrigerante (você não conseguirá mais bebê-los após conhecer esses 11 fatos estarrecedores). - […] podem provocar um efeito no cérebro semelhante àquele observado em viciados em drogas, ou seja, refrigerante vicia. Isso explica…
  10. As 9 principais causas da obesidade, e por que 99% da culpa absolutamente não é sua. - […] criam um estímulo poderosíssimo dos centros de recompensa do cérebro. Como já citamos aqui, o açúcar acaba criando uma…
  11. As maiores e mais cruéis mentiras da indústria alimentícia, que estão impedindo que todos sejamos magros naturalmente. - […] o consumo de alimentos, fazendo as pessoas procurarem comer mais, ou mesmo manter o desejo por alimentos doces, através…
  12. Refrigerante faz mal (e se bobear, mata). - […] 5º. Refrigerante vicia. As substâncias doces dos refrigerantes atuam no cérebro gerando uma sensação de bem estar da mesma…
  13. O que comer para emagrecer: um plano alimentar de 7 dias para você mudar sua vida - […] são “trabalhados” por cientistas cujo objetivo é, através de produtos químicos diversos e substâncias que causam vicio, como o…
  14. Bupropiona emagrece? Sim. Isso não quer dizer que você deve usá-la para tal. - […] é alguém que está tentando largar o vício do cigarro, de repente começar a engordar. Isso acontece porque certos…
  15. Comer em casa: 6 dicas incrivelmente simples que vão mudar sua vida (e emagrecer muito). - […] é adicionada quando você come algo que não preparou: como você deve saber (e se não sabe, não deixe…
  16. Como treinar a mente para emagrecer (e nunca mais ter problemas com o peso). - […] Em nossa mente, não apenas eventos e horários do dia criam ligações com alimentos. A comida também está altamente…
  17. Cardapio para emagrecer: Um jeito surpreendente para criar o seu em 5 minutos. - […] da alimentação” cujo objetivo é, através de produtos químicos diversos e substâncias que causam vicio, como o açúcar, causar…
  18. Tudo sobre adoçantes e por que existe uma armadilha terrível em seu uso para emagrecer. - […] compovado que o açúcar acaba provocando no cérebro uma reação similar, e na mesma área, à drogas como a…
  19. Frutas vermelhas: como elas retardam seu envelhecimento, previnem doenças e eliminam seu desejo por açúcar. – Comece a Emagrecer - […] O sabor adocicado dessas frutas é um grande aliado no combate ao vício em açúcar. […]
  20. Comida saudável: é possível gostar? - […] Segundo, porque seu organismo está dependente de algumas substâncias, como o açúcar, que cria uma espécie de vício. […]
  21. Abacaxi emagrece? Fatos, curiosidades e 3 formas de consumo do abacaxi para emagrecer – Comece a Emagrecer - […] Além disso, ajuda a diminuir a vontade de comer doces. […]

O que você pensa sobre emagrecimento e dietas? Escreva abaixo!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *