Emagrecendo com saúde: os 23 mandamentos que toda pessoa magra seguiu e que não vão deixar que você volte a engordar.

Emagrecendo com saúde: os 23 mandamentos que toda pessoa magra seguiu e que não vão deixar que você volte a engordar.

1 de setembro de 2015

Quantos de nós não têm o desejo de poder dizer “estou emagrecendo com saúde”?

O problema é que muitos dos conselhos que se vê por aí estão focados apenas no que as pessoas idealmente querem, ou seja, emagrecer rápido. E se você está emagrecendo muito rápido, definitivamente não pode afirmar que está emagrecendo com saúde. São resultados antagônicos. A prova disso é que dificilmente você vê alguém que fez essas dietas da moda conseguir manter o peso por longo tempo.

Desta forma, compilamos aqui 23 mandamentos para um emagrecimento com saúde e com chances MUITO maiores de ser aquilo que você quer: para sempre!

 

banner método emagrecimento fácil

emagrecendo com saude

1- Faça de 5 a 6 refeições por dia.

Salvo em contextos específicos (uma dieta low carb), ficar muito tempo sem comer pode fazer seu organismo reagir, e uma dessas reações é a lentificação do metabolismo, cujas consequências não são nada desejáveis para quem quer emagrecer. A famosa desaceleração do emagrecimento ao longo do tempo ocorre por isso, entre outros motivos. Uma solução boa é comer refeições melhor distribuídas ao longo do dia. Dessa forma, seu corpo está sempre recebendo uma quantidade razoável de energia, o que garante que ele vai manter o gasto acelerado o tempo todo.

2- Coma frutas na sobremesa e nos lanches

Frutas são excelentes fontes de fibras, vitaminas e antioxidantes, que ajudam na preservação da saúde, e claro, no emagrecimento. Especialmente as fibras, neste caso, por reduzirem absorção de gorduras e promoverem mais saciedade, fazendo você comer menos.

3- Verduras e legumes devem ocupar 50% do seu prato nas principais refeições.

A principal vantagem é uma questão de espaço. Se o seu prato está ocupado com verduras e legumes, você simplesmente não consegue colocar outras porcarias mais calóricas nele. Isso sem falar de baixo teor de calorias, alto de fibras, e por aí vai.

banner método emagrecimento fácil

4- A porção de carne (e proteínas em geral) deve ser do tamanho da palma da mão.

Você até pode comer mais que isso, mas tecnicamente um pedaço de carne do tamanho da palma da mão é o suficiente para suas necessidades.

5- Não corte totalmente as gorduras, porque elas ajudam você a sentir menos fome entre uma refeição e outra.

A guerra às gorduras foi um erro catastrófico, e a prova disso é que apesar das recomendações, os níveis de obesidade só aumentam. Isso porque retirou-se da alimentação um elemento saciante, e quem acabou entrando no lugar foram carboidratos, que não saciam nada, aumentam a fome e a absorção de gorduras também.

6- Modere nos açúcares e nos doces. Se for possível, corte-os.

E se não for possível, dê um jeito e faça ser possível. Açúcar causa vício, e viciados são pessoas que perdem o controle.

7- Reduza o sal e os alimentos ricos em sódio.

Isso reduz o risco de doenças como  a hipertensão arterial, e também ajuda a reter menos líquido.

8- Consuma leite ou derivados sem exageros.

Especialmente os derivados do leite que contém açúcares, e o motivo você já sabe.

9- Reduza o álcool. Evite o consumo diário.

Álcool simplesmente não tem lugar num programa de emagrecimento. Ponto.

10- Beba no mínimo 2 litros de água por dia.

A água promove uma aceleração temporária do metabolismo, especialmente se consumida gelada, porque o corpo gasta energia extra para esquentá-la.

11- Faça pelo menos 30 minutos de exercícios todos os dias.

Exercícios são capazes de aumentar o seu período de estadia no planeta Terra. Use e abuse. Só não vale fazer a prática da compensação, ou seja, achar que se pegar pesado nos exercícios, você pode chutar o balde. Não, não dá!

12- Aprecie sua refeição, e todo o ato de comer. E coma devagar.

Comer de forma consciente faz seu cérebro registrar o ato, e assim ele vai acabar te dando um aviso que você já comeu o suficiente, e você nem vai sentir mais vontade. Um estudo demonstrou que basta você trocar o garfo de mão, para a não dominante, que isso faz você automaticamente comer 30% a menos. Porque como você não tem destreza nessa mão, terá que prestar atenção exclusiva na comida.

13- Não pule o café da manhã.

O café da manhã vem logo após o período mais prolongado de jejum do dia (o sono), e quando você o pula, joga seu metabolismo e também seus níveis de energia lá para baixo. E seu corpo vai cobrar a conta no almoço, fazendo você chutar o balde.

14- Fuja de dietas da moda. O efeito sanfona vai vai logo depois, pode apostar.

Se a dieta fosse boa, não seria só “moda”. 6 meses depois ninguém ouve falar de 99% delas. E isso já diz tudo.

15- Durma bem. É essencial para que seu metabolismo mantenha-se acelerado e você tenha muita disposição.

Uma noite mal dormida faz você chafurdar no sofá, de tão cansado, e comer aquele pacote de batata frita. O sono é seu repositor de energia, e como ter disposição se a sua “recarga” não existe ou é ineficiente?

16- Fuja de medicamentos para emagrecer. O que você acha que vai acontecer quando parar de usar?

Resposta: Sem o efeito do medicamento, você está indefeso, e não saberá o que fazer. E voltará a fazer o que estava acostumado a fazer antes de tomar o medicamento. É tiro no pé!

17- Nada de beliscar durante o dia.

Pense na beliscada como um “freio” que você está dando em seus esforços para emagrecer. Naquele momento que seu corpo estava começando a gastar suas reservas, você resolve botar algo para dentro. Daí o corpo para, consome aquilo, e bem vindo ao mundo da auto-sabotagem.

18- Evite beber calorias.

Isso deveria ser um mantra para qualquer pessoa. Calorias na forma líquida são vazias, não saciam, são fáceis para digerir, e logo logo você vai estar com fome de novo. A função de um suco ou refrigerante no seu almoço é apenas uma: Aumentar o número de calorias que você comeu. Imagine se tivesse bebido água apenas?

 

Mas antes de prosseguirmos... Que tal conhecer um método de emagrecimento totalmente sistematizado e fácil, onde você não precisa abandonar totalmente os alimentos que tanto gosta e acabar de vez com o tal do efeito sanfona, mudando sua vida e saúde para sempre?

Você está a um clique de uma verdadeira revolução na sua vida. Se você precisa perder 10, 20, 30kg ou mais, veio ao lugar certo. E se precisa perder só alguns quilinhos, é mais rápido ainda. Nada de medicações, dietas milagrosas, nada disso. Até porque nada disso é necessário.

E você também vai conhecer 7 alimentos que você provavelmente acha que são emagrecedores, mas que na verdade promovem justamente o efeito contrário.

Clique aqui para saber mais e bem vindo à sua nova vida.

19- Perder peso rápido é um tiro no pé. Significa que você terá facilidade para recuperar esse peso tão rápido quanto perdeu. Foque em atingir a meta, não na velocidade.

O grande paradoxo é que as pessoas que perdem peso rápido acabam levando mais tempo para emagrecer de uma vez por todas. É a versão “dieta” da fábula da lebre e da tartaruga.

20- Procure sempre aumentar o nível de esforço nos seus exercícios, gradualmente.

Quer evitar o tédio ao se exercitar? Desafie-se. Anote seu desempenho na esteira, por exemplo, e no dia seguinte, faça um pouquinho mais. Em pouco tempo, você não só verá os resultados (anotados, diga-se de passagem), como seu condicionamento físico vai melhorar absurdamente. Pare de ir para a academia pegar o mesmo peso toda vez, porque seu corpo já se acostumou com aquilo e se isso aconteceu, você não vai evoluir.

21- Evite comparar-se a outras pessoas, em termos de emagrecimento. Você pode ficar intimidada se ver alguém emagrecendo mais rápido, mas como já mencionamos, isso é um tiro no pé.

Apenas use-as como inspiração, porque em breve você estará no lugar delas. E ao contrário delas, provavelmente você lá ficará.

22- Use outras medidas para avaliar seu emagrecimento, não só a balança.

Basta lembrar que se você bebeu água demais antes de se pesar, a balança vai apontar isso. Balança é um bom parâmetro, mas não pode e não deve ser o único. Você pode estar mais pesado e ao mesmo tempo mais magro (é o que acontece quando você ganha músculos e perde gordura), fisiculturistas são bons exemplos.

23- Finalmente, quando você atingir o peso ideal, nada de apenas relaxar e curtir. Você precisará manter-se atenta, porque os velhos hábitos podem tentar voltar, especialmente se você apenas fez dieta. E se eles voltarem, o peso também volta.

O preço da liberdade é a eterna vigilância. Mas acredite, compensa tanto que você não vai querer outra vida.

Descubra quais são os 7 alimentos que parecem saudáveis, mas que na realidade não são.

Sim, eu quero.

Publicidade

4 disseram o que pensam. Agora é sua vez.

  1. Gostei muito do conteúdo da leitura.Gostaria de saber qual valor (com os respectivos descontos) que fica todo o processo. O período da dieta é necessário ser acompanhado pelo programa com pagamento extra, ou seja, além do que já foi comprado?
    A indicação foi do Dr. Carlos Wilson, de VITÓRIA/ES.
    GRATA,
    Ana

  2. Gostei das dicas. E concordo que dieta da moda, ou emagrecer muito rápido é um tiro no pé. Da mesma forma emagrecer muito devagar a pessoa cansa por não ver resultados e volta aos velhos hábitos (experiência própria). Após três tratamento super lentos (e abandonados), eu finalmente consegui resultado, muitas pessoas olham para mim e acham que perdi 15 kgs em pouco tempo, mas não foi , estou fazendo tratamento (dieta, chás e atividade física) a 8 meses. Estou perto do meu objetivo, já estou reeducada, mas estou preocupada com a manutenção, suas dicas foram preciosas.

O que você pensa sobre emagrecimento e dietas? Escreva abaixo!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *