Emagrecer depois dos 40 anos – o que realmente importa?

Emagrecer depois dos 40 anos – o que realmente importa?

31 de agosto de 2017

Nosso bate papo de hoje é sobre emagrecer depois dos 40 anos.

E o foco será na solução.

Até porque é claro, óbvio e evidente que emagrecer depois dos 40 anos é mais difícil do que aos 20 ou 30. Então discutir os motivos disso é um tanto quanto inútil. Você já sabe que após os 30 anos, começa a ocorrer perda de massa muscular, redução do metabolismo e afins.

banner método emagrecimento fácil

(Salvo doenças, que precisam de tratamento. Tratou? Continue a leitura)

O problema é que muita gente acaba usando isso como desculpa.

E aí só reforça o mito que é impossível emagrecer após os 40.

 

Neste post você vai descobrir:

1- Por que você deve ignorar o fato que emagrecer depois dos 40 anos é mais dificil.

2- Por que você deve dar graças a Deus por estar no 2o melhor momento de sua vida para emagrecer.

banner método emagrecimento fácil

3- Como seu cérebro vai lutar para validar sua crença que emagrecer depois dos 40 anos é dificil, e isso será sua ruína

4- Por que não se deve comparar seu emagrecimento com o de outras pessoas

5- Qual a única comparação que pode ser feita em termos de emagrecimento

 

Sobre emagrecimento após os 40 anos

 

Confira a versão em video:

 

 

Primeiro, vamos à dúvida da uma expectadora do canal do Comece a Emagrecer no Youtube, que inspirou esse artigo:

 

“Olá Doutor, assisto sempre seus vídeos, muito informativos. Faço dieta low carb e jejum 14 horas, tenho 49 anos e sou obesa há mais de 20 anos. Gostaria que um dia você fizesse um vídeo falando sobre emagrecimento após os 40 anos, e se a pessoa que nunca à academia demora mais para emagrecer do que quem sempre fez atividade física.  Comecei com 126,6 kg e 4 meses depois estou com 110 kg. Muito obrigada, Márcia.”

 

 

Primeiro de tudo sobre o resultado:  Até agora ela perdeu 16,6 kg em 4 meses, e isso está excelente.

Um belo ritmo! Eu sei que tem gente aí que vai ou vai fazer cara torta, dizendo que dava para ter perdido mais, que 4kg por mês é pouco e etc, e normalmente são pessoas que estão com essa mentalidade de “podia ter perdido mais” que desistem na primeira dificuldade.

Em meu trabalho, já recebi diversos emails de pessoas que perderam 6 quilos no mês, e pasme, estão indignados porque é muito pouco. Acredite se quiser.

Isto posto, perder até 3 quilos no mês é bom para caramba.

Você tem que ver a média das pessoas e não os resultados extremos que aparecem em relatos de internet em páginas de marketing de produtos de emagrecimento: “Olha só, o Fulano perdeu 10Kg em um mês”.

Isso cria uma verdadeira epidemia de pessoas com expectativas elevadíssimas cujo castelo de cartas vai ruir sem dó no primeiro percalço.

emagrecer depois dos 40 anos - castelo de cartas

Cuidado com as expectativas elevadas… Seu castelo pode ruir!

Para cada fulano que perdeu 10 kg num mês, existem outros 1000 que perderam unzinho só, então vamos enxergar a realidade, e não o relato fantasioso ou aquela coisa que, no fundo, você quer que aconteça.

Afinal, todo mundo quer perder peso rápido, né?

Sobre emagrecer depois dos 40 anos

 

Primeiro de tudo a gente precisa estabelecer qual é o melhor momento para perder peso.

Na verdade qual FOI o melhor momento para você ter perdido peso, e esse melhor momento foi há uns 10, 20 anos atrás.

Só que como nós não temos máquina do tempo, não dá para voltar, então já era!

Vamos passar para o segundo melhor momento para perder peso, que é…. AGORA!

Independente da idade que você tenha, a melhor coisa para você fazer é não encucar com essa questão da idade, que tá difícil, que a idade que eu estou é mais difícil perder peso, etc, etc.

Então vou deixar 3 exemplos aqui, e os dois primeiros são iguais.

Tratam-se de duas senhoras com as quais trabalhei recentemente, ambas na faixa dos 70 anos de idade.

 

Mas antes de prosseguirmos... Que tal conhecer um método de emagrecimento totalmente sistematizado e fácil, onde você não precisa abandonar totalmente os alimentos que tanto gosta e acabar de vez com o tal do efeito sanfona, mudando sua vida e saúde para sempre?

Você está a um clique de uma verdadeira revolução na sua vida. Se você precisa perder 10, 20, 30kg ou mais, veio ao lugar certo. E se precisa perder só alguns quilinhos, é mais rápido ainda. Nada de medicações, dietas milagrosas, nada disso. Até porque nada disso é necessário.

E você também vai conhecer 7 alimentos que você provavelmente acha que são emagrecedores, mas que na verdade promovem justamente o efeito contrário.

Clique aqui para saber mais e bem vindo à sua nova vida.

Setenta, hein? Elas tinham 40 há 30 anos!

Ambas começaram um protocolo de dieta cetogênica, e conseguiram perder por volta de 3kg no 1º mês.

(Acho que quem diz que é impossível perder peso nessa idade bugou agora…)

E o terceiro exemplo é uma história que li na internet sobre um senhor que aos 69 anos de idade sofreu um infarto e quase morreu.

Pois bem, aos 71 anos de idade ele estava magro e correndo maratona.

Alguns vão  falar “mas ele é um homem”, “é exceção” ou “ele tinha força de vontade”, e bom, isso não interessa.

É uma pessoa que estava acima dos 40 anos. Aliás bem acima, 30 anos atrás ele tinha 40 anos e a diferença é que agora ele resolveu mudar sua vida.

emagrecer depois dos 40 anos é possível

Quem disse que idade é empecilho para se exercitar?

 

A questão é: quando você faz o que tem que ser feito, você vai ter resultado!

 

Então o que não pode acontecer é você usar uma crença sua, que emagrecer depois dos 40 anos é difícil, porque isso vai acabar se tornando uma verdade. E uma sentença!

Qualquer coisa em que você acredite, você vai achar um jeito de tornar isso verdade, seja de forma consciente ou subconsciente.

Esse raciocínio é extremamente danoso, mesmo que tenha uma certa dose de realidade, mas se você fica concentrada nisso, aí complica.

Se essa crença existe na sua cabeça, a melhor coisa a fazer é apagar esse treco e deixar isso de lado.

Nosso cérebro funciona da seguinte forma: se você acredita numa coisa você vai procurar evidências para justificar essa crença.

E como funciona isso na pratica? Na primeira dificuldade que você tiver no emagrecimento, até porque emagrecimento nunca é e nunca vai ser linear, você vai justificar dizendo “ah, mas eu já estou acima dos 40 anos, é mais difícil mesmo”, e aí você reafirma essa crença, solidificando-a ainda mais.

Já uma pessoa que escolheu ignorar essa crença naturalmente vai pensar em outras soluções, e não ficar ruminando em cima de algo que não vai resolver nada.

E se você for analisar a fundo, justificar a falta de resultado com “eu estou acima dos 40 anos” é o primeiro passo para a desistência. O pior é que muita gente acaba usando isso como justificativa para sequer tentar sair da sua zona de conforto.

“É impossível emagrecer depois dos 40”, e pronto. Nem tenta.

Por mais que muitas pessoas consigam emagrecer depois dos 40, como os exemplos que eu trouxe aqui, nada disso convence o individuo a largar a sua muleta de inatividade, ou seja, ele decreta que é impossível e ponto, nada a fazer. Vai reclamar uma vida inteira.

Novamente, não é que seja fácil (e não é), e com certeza há 10 anos atrás era bem mais fácil.

E sorria, você está no 2º melhor momento da sua vida para emagrecer. Não deixe a sua “mentalidade de gordo” te manter parada e daqui há 10 anos, você dizer que era mais fácil emagrecer 10 anos antes, quando você não fez nada.

 

Outra evidência que é possível emagrecer após os 40 anos

 

É o próprio caso aqui relatado. 16,6kg em 4 meses aos 49 anos.

Alguma coisa certa está sendo feita.

E contra fatos, não há argumentos.

4kg por mês é um ritmo excelente até para pessoas mais jovens, está numa boa média de perda de peso saudável.

Não custa lembrar que a receita do bolo todo mundo tem.

Ignore os poréns e aplique, que os resultados serão inevitáveis.

Sobre comparação com outras pessoas que estão emagrecendo

 

E já que eu falei em comparação vamos para a segunda parte da pergunta.

Que é sobre você comparar duas pessoas, uma que sempre malhou e uma que nunca malhou, se dá para presumir quem emagrece mais rápido.

A resposta talvez surpreenda: essa comparação não deve ser feita.

Porque duas pessoas são seres completamente diferentes.

Você não sabe você não sabe a carga genética que cada uma tem, por exemplo.

Às vezes uma pessoa é ectomorfa e vai ter outros problemas, como uma dificuldade absurda de construir musculatura.

Ou então você está comparando um homem com uma mulher. Homens têm mais facilidade para ganhar musculatura e mais massa muscular em geral, e na imensa maioria dos casos, emagrecem mais rápido.

Você não sabe quem tem mais potencial para acumular gordura; não sabe um pingo dos hábitos alimentares e de atividade física cultivados desde a infância; não sabe quais são os ritmos de metabolismo, compleição muscular, locais preferenciais de acúmulo de gordura.

Ou seja, comparar duas pessoas diferentes é igual comparar maçãs com laranjas.

emagrecer depois dos 40 anos - maçãs x laranjas

Então a minha resposta é NÃO SEI.

A tendência é que a pessoa que malhe desde sempre tenha uma facilidade maior, mas é apenas uma tendência. Os fatos podem ser distintos devido aos fatores que citei.

Pode acontecer de duas pessoas diferentes adotarem exatamente as mesmas medidas para emagrecer, ou seja, comendo as mesmas coisas e malhando na mesma intensidade e tempo, e uma emagrece 5kg e a outra 2kg.

Da mesma forma, pode acontecer que uma pessoa que malhou a vida toda, mas tenha uma genética não muito apropriada para gastar energia, se comparada a uma pessoa com uma carga genética que provê o efeito oposto mas nunca malhou, essa segunda pessoa pode ter uma facilidade maior em perder peso.

Qual a comparação que pode ser feita?

 

A única comparação que pode ser feita é entre você e você mesmo. Só.

Daí sabemos que todos os fatores que podem causar diferenças nos resultados são os mesmos.

E aí, o fato de a versão malhadora ter trabalhado uma vida inteira construindo mais músculos dá a ela uma tremenda vantagem em termos de velocidade de metabolismo e de queima de gordura, em relação à versão preguiçosa.

A lição que tiramos disso é que você deve ir para a academia agora. Daqui a uns 10 anos, vai se agradecer por isso!

E pare de comparar seus resultados com os de outras pessoas, até porque você é apenas você.

Concluindo

Emagrecer depois dos 40 anos não é impossível

Impossível não existe… Nem que seja emagrecer depois dos 40 anos

Não interessa se emagrecer depois dos 40 anos é mais difícil.

Você está agora no 2º melhor momento de sua vida para emagrecer com sucesso.

Aproveite e vá fundo, ignore suas crenças infundadas e faça como a pessoa que mandou a dúvida e tantas outras acima dos 40.

E nada de ficar comparando seu progresso com os resultados dos outros.

Compare-se com você ontem, e busque ser uma versão melhor hoje.

Resultados serão apenas mera consequência.

 


Referências:

1- Strength and muscle mass loss with aging process. Age and strength loss

2-Weight loss in obese adults 65 years and older: A review of the controversy

3- Effectiveness of Weight Loss Interventions for Obese Older Adults

Descubra quais são os 7 alimentos que parecem saudáveis, mas que na realidade não são.

Sim, eu quero.

Publicidade

O que você pensa sobre emagrecimento e dietas? Escreva abaixo!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *