Série: Desculpas esfarrapadas para não emagrecer. A solução definitiva para pessoas com filhos, ocupadas e que acham comida saudável cara.

Série: Desculpas esfarrapadas para não emagrecer. A solução definitiva para pessoas com filhos, ocupadas e que acham comida saudável cara.

4 de agosto de 2015

E lá vamos nós com mais um episódio da série que vai ensinar você a vencer toda e qualquer desculpa esfarrapada, que ainda teimar em te atrapalhar, na busca do corpo que você merece. Se você não viu os artigos anteriores da série “Desculpas esfarrapadas para não emagrecer”, confira a parte 1 e a parte 2.

“Sou muito ocupado com meus filhos e trabalho”

desculpa 1: sou ocupado

Pessoas magras também são muito ocupadas… O que elas fazem diferente?

Temos certeza que você é bastante ocupado. Provavelmente demais. Mas do que você pode abrir mão para obter mais tempo para sua saúde? Faça de você mesmo sua prioridade número 1, por pelo menos 6 meses. Você merece a chance de viver um estilo de vida saudável.

Além disso, pessoas magras também são muito ocupadas… O que elas fazem diferente?

banner método emagrecimento fácil

Você têm prazos a cumprir no trabalho nessa semana, filhos doentes ou precisando de atenção, seu marido ou esposa está fora da cidade à trabalho. Então você come o que está disponível na sua frente, e mal consegue pensar em colocar vegetais para uma saladinha no seu prato, certo?

Errado. Aderir a comportamentos saudáveis – como conseguir tempo para refeições decentes e encaixar exercícios durante o dia – mesmo que sua vida pareça que está a 100km/h, é de fato a chave para o sucesso a longo prazo.

Uma boa estratégia para comer direito em dias frenéticos é programar um alarme no seu celular ou computador, de forma que você coma direito nesse momento, e não exagere depois porque estará morrendo de fome.

Também vale a pena manter certos alimentos em seu freezer, que permitam uma rápida refeição ao serem descongelados. E sempre ter alimentos adequados para um bom lanche, como maçãs, barras de cereal e nozes.

Criar refeições saudáveis quando você está muito ocupado também requer planejamento. Compre carnes magras congeladas, para que não estraguem rápido e crie o hábito de tirar algo do freezer toda noite, para a refeição do dia seguinte. Se você tem todas as ferramentas para preparar uma refeição rápida e saudável em suas mãos, você obviamente irá menos ao fast food.

Todos nós temos 24 horas por dia para nos dividir, e novamente, devemos priorizar as atividades, especialmente as que vão nos trazer saúde. Uma boa ideia é tratar os seus exercícios físicos como se fossem um compromisso de trabalho.

Como você já deve ter notado, há sempre uma solução criativa para os problemas que a suposta falta de tempo cria. Cabe a você assumir o controle, e ao invés de criar desculpas, pensar em como contornar essas dificuldades.

banner método emagrecimento fácil

E mais uma vez, a chave aqui é o planejamento. É como aquela ditado clássico em inglês: “Failing to plan is planning to fail” (Falhar ao planejar é planejar a falha), e muito provavelmente, você já solta a desculpa do “sou muito ocupado” de cara, mas se eu fosse te perguntar se você tentou planejar algo para contornar a situação, certeza que a resposta seria um retumbante “não”.

Sobre crianças tomarem o seu tempo, vamos combater isso com uma simples busca no Youtube e um relato de uma experiência que tive com uma cliente de coaching para emagrecer.

Primeiro, vá ao Youtube e busque por “exercising with baby” ou “working out with baby”, e veja o que pais criativos fazem para cuidar dos filhos ao mesmo tempo que se exercitam. Isso te dará idéias e mais idéias para, ao invés de passar tempo cuidado do filhote na frente da televisão, você pode cuidar de si próprio, ao mesmo tempo.

E se isso não te convenceu, segue o relato que prometi. Um dos problemas dessa minha cliente na verdade eram dois… Dois filhos pequenos, e a menor tinha 9 meses. Com a mentalidade de “solucionar o problema”, ao invés de “mimimi vou aceitar isso e não fazer nada”, sugeri que ela se exercitasse em casa mesmo, na presença das crianças.

Construímos então um programa que incluía piques de corrida no jardim, subir escadas correndo, pular corda e por aí vai. Os resultados? Palavras dela:

“Achei incrível! Meu filho mais velho até me acompanhava enquanto eu me exercitava e corria junto. A menor ficava sentada na cadeirinha e ria o tempo todo da mãe suada e bufando”.

Simples, não? E ainda deixa o exemplo para a garotada!

“Comida saudável é muito cara”

Desculpa 2: custo de comida saudável é alto.

Frutas, vegetais, e muitos peixes e carnes são baratíssimos se comparados a alimentos processados e fast food.

Esse é um mito muito comum, criado, entre outras razões, pelo fato que muitos dos alimentos “light” são vistos como saudáveis, e obviamente são mais caros que os convencionais. Além disso, alimentos integrais são mais caros que os refinados.

Entretanto, isso não se aplica a maioria dos alimentos crus. Frutas, vegetais, e muitos peixes e carnes são baratíssimos se comparados a alimentos processados e fast food. O Departamento de Agricultura dos EUA descobriu que dar preferência a alimentos frescos, no final das contas, sai mais barato que consumir alimentos processados, ricos em gordura, açúcar e sal.

E como já explicamos no artigo sobre alimentos integrais, no longo prazo, sai mais barato dar preferência a estes. Por serem mais nutritivos que os refinados, você precisará comer menos para saciar-se. Além de colher os benefícios, ainda fará economia.

Se ainda não se convenceu, lembre-se que a maioria destes custos adicionais serão completamente reduzidos quando você parar de comprar as comidas processadas “baratas”. É impressionante como todas as batatas chips, biscoitos, catchup, maionese, salsichas, cachorro quente,cerveja e doces adicionam um dinheiro bom na hora de passar no caixa do supermercado.

Para você entender ainda melhor, eu criei um exemplo simples. Vamos supor que você só consuma um tipo de alimento, e atualmente só consome o alimento A, que é algo industrializado, prático e barato, e claro, sequer mata sua fome (como todo bom produto industrializado).

E para emagrecer, você precisa passar a consumir B, que é um produto mais orgânico, saudável e saciante. Mas um pouco mais caro.

Então o que você observa, é que A custa 2 reais, e B custa 4 reais. Logo você conclui que comprar comida saudável é algo caro, e não poderia estar mais errado.

Agora vou te mostrar o que acontece no longo prazo: Digamos que em um período de tempo, você precisa consumir o produto A 5 vezes. E como o produto B sacia mais, você precisa consumi-lo menos, e o faz 2 vezes.

No final, você gastou 10 reais no produto A (mais barato), e 8 reais no produto B. Esse exemplo é um tanto grosseiro, mas é exatamente o que acontece quando você troca os produtos práticos e industrializados por produtos saudáveis e naturais. Sua nutrição melhora tanto que você passa a comer menos automaticamente, e no longo prazo, também gasta menos.

Isso sem falar nos gastos futuros que você fatalmente terá com o consumo desses produtos baratos e ruins: consultas e tratamentos médicos, medicamentos (que não vão ser nada baratos), roupas novas (porque você vai acabar perdendo as atuais).

E perda de tempo também… Vou citar um estudo feito nos EUA que mediu o tempo que pessoas magras e obesas levavam ao se deslocar do estacionamento de um supermercado até a porta, e isso foi multiplicado por 20 anos. A diferença de tempo foi de incríveis 9 meses. Imagina ter menos 9 meses da sua vida só porque você está muito acima do peso?

E mesmo depois dessa avalanche de dados você ainda não acredita, cito outro estudo da Universidade George Washington também nos EUA que mediu o gasto total anual de pessoas obesas, e a diferença foi de 524 dólares anuais, o que na cotação atual de 3,36 vai dar algo em torno de 1760 reais. Pensando no longo prazo, é um gasto bastante considerável só por estar acima do peso.

Desculpas quebradas? Então é hora de ação!

Veja Mais Sobre Como Emagrecer

Seja bem-vindo! Saiba quem somos.   Olá! Gostaríamos de te dar as boas vindas ao site. Esperamos que, aqui, você aprenda e encontre todas as informações de que precisa para cons...
Como perder peso: o guia rápido e definitivo. Não é nenhum mistério saber como perder peso.Mesmo que possa ser mais difícil para umas pessoas do que para outras, a verdade é que a mudança de a...
Emagrecimento rápido: por que você está armando um... Um emagrecimento rápido é o que muitas dietas malucas prometem, e isso até pode acontecer.No entanto, elas não dizem quais são os verdadeiros peri...
Obesidade na adolescência: um texto obrigatório pa... Entre os problemas de saúde que acometem a população dessa nova geração está o risco com a obesidade na adolescência.Os maus hábitos, alimentação ...

Descubra quais são os 7 alimentos que parecem saudáveis, mas que na realidade não são.

Sim, eu quero.

Publicidade

2 disseram o que pensam. Agora é sua vez.

  1. Concordo que quando queremos arrumamos sim tempo. O jeito que encontrei foi começar a acordar mais cedo ( às 5:00 da manhã!) e fazer exercícios em casa (comprei pesinhos, elásticos, tapete e DVD’s de exercícios). Lógico que no começo foi dificil, teve dia que quis desistir mas depois de quase 2 anos fazendo isso acostumei de tal forma que até de sábado e domingo acordo bem cedinho pra uma caminhada :).

  2. Excelente artigo!!! Você que é mãe, tem muita coisa na cabeça para pensar e se preocupar: casa, família, escola, o que fazer se ele chora (quando é bebê) – e como emagrecer rápido depois do parto. Eu sei pois sou personal e várias de minhas alunas que possuem filhos pequenos começam mas faltam muito, até que desistem. O principal motivo? A falta de tempo!

Trackbacks/Pingbacks

  1. Série: Desculpas esfarrapadas para não emagrecer. Parte 4 - Comece a Emagrecer - […] Confira os episódios anteriores aqui, aqui e aqui. […]

O que você pensa sobre emagrecimento e dietas? Escreva abaixo!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *