Spirulina emagrece? Não só isso (e muito mais).

Spirulina emagrece? Não só isso (e muito mais).

26 de maio de 2015

A Spirulina é popularmente conhecida como alga verde-azulada, mas na verdade trata-se de uma microalga que realiza fotossíntese, como as plantas, ou seja, elas produzem energia a partir da luz solar. Também nascem tanto em água doce quanto salgada.

Nutricionistas costumam indicar o seu suplemento a pacientes que optam pelas dietas hipocalóricas, uma vez que o produto faz o papel de complementar os nutrientes que faltam no cardápio. Outras indicações da Spirulina são para a fase de recuperação de cirurgias e para alcoólatras que necessitam de um aporte nutricional maior.

Sua fórmula costuma ser manipulada em forma de cápsulas ou em pó. Na realidade, o uso da Spirulina é milenar, datando da época dos astecas, porém, depois de séculos de esquecimento, o micro-organismo voltou à tona graças à NASA, que propôs o seu cultivo no espaço para alimentar os astronautas.

banner método emagrecimento fácil

Para ter uma ideia do seu poder nutritivo, 7 gramas de Spirulina contém 4 gramas de proteínas, 11% do RDA de Vitamina B1 (Tiamina), 15% do RDA de Vitamina B2 (Riboflavina), 4% da RDA de Vitamina B3 (niacina), ​​21% do RDA de cobre e 11% do RDA de ferro. Por RDA entende-se Recommended Dietary Allowances, traduzindo para o português, Recomendações Nutricionais por dia, por pessoa.

Mais informações sobre a Spirulina.

A Spirulina possui ainda quantidades relevantes de magnésio, potássio e manganês, bem como pequenas quantidades de muitos outros nutrientes importantes para o organismo. Além disso, 7 gramas do produto tem somente 20 calorias e 1,7 gramas de carboidratos de fácil digestão.

Já uma colher de sopa de Spirulina contém uma pequena quantidade de gordura (cerca de 1 grama), incluindo ambos os ácidos graxos ômega-6 e ômega-3. Além disso, a qualidade da sua proteína é excelente, comparável aos ovos, uma vez que possui todos os aminoácidos essenciais.

Além de nutritiva, a Spirulina é um poderoso antioxidante de propriedades anti-inflamatórias, que evitam o dano oxidativo e prejudicam o DNA e as células. Assim, o produto é eficaz na prevenção de doenças, como o câncer. Nesse sentido, o principal componente ativo é aficocianina, uma substância antioxidante que dá à Spirulina a sua cor.

Outro benefício da alga é o seu poder de diminuir os níveis de LDL (colesterol ruim) e triglicerídeos, além de elevar o HDL (colesterol bom). Essa combinação é eficiente na redução dos casos de doenças cardíacas.

Outros benefícios da Spirulina.

Existem evidências que o produto tenha mais vantagens à saúde, como propriedades anticancerígenas, especialmente contra o câncer de boca, além de interferir na ocorrência e no tamanho do tumor. Outros estudos apontam que a Spirulina pode reduzir a pressão arterial.

Dessa forma, são reduzidos os riscos de ataques cardíacos, derrames e doença renal crônica. A explicação é que o produto ajuda a produção de óxido nítrico, uma molécula que ajuda o relaxamento dos vasos sanguíneos e a sua dilatação. Outro benefício da Spirulina é a redução dos sintomas da rinite alérgica.

banner método emagrecimento fácil

O problema é caracterizado pela inflamação das vias aéreas nasais, desencadeada por alérgicos ambientais (pólen, pelos de animais, pó, etc), e a Spirulina ameniza esses sinais. Da mesma forma, a alga é eficaz no combate à anemia, sendo que um dos tipos mais comuns da doença secaracteriza pela redução da hemoglobina nas células vermelhas do sangue.

A anemia é bastante comum em idosos, levando à fraqueza e à fadiga. No entanto, a suplementação com Spirulina pode aumentar o conteúdo de hemoglobina dos glóbulos vermelhos. A alga pode colaborar ainda com a força muscular graças aos seus efeitos antioxidantes, sendo recomendada a atletas. Por fim, o produto ajuda a controlar o açúcar no sangue, pois reduz significativamente os seus níveis.

Mas a spirulina ajuda a emagrecer?

a spirulina emagrece mesmo?

A spirulina emagrece mesmo? Indiretamente. Leia mais para saber.

Você pode estar se perguntando: “Ok, mas a spirulina emagrece mesmo? A resposta é sim, indiretamente. Quaisquer alimentos que sejam altamente nutritivos e saudáveis, acabam por, em última análise, saciando eventuais necessidades do organismo, o que acabará fazendo com que você naturalmente deseje e precise comer menos, e só isso já bastaria. Também o controle dos níveis de glicose no sangue ajuda a controlar o desejo por essa substância, e os picos de insulina que fazem você acumular gordura.

A promoção de propriedades antinflamatórias também é um fator “emagrecedor”. No final das contas, tudo o que causa inflamação no seu organismo, acaba também levando a acúmulo de gordura. Vale lembrar que com menos inflamação, o seu metabolismo estará “livre” para atuar sem barreiras, aumentando sua velocidade nas reações corporais, e gastando mais energia.

Descubra quais são os 7 alimentos que parecem saudáveis, mas que na realidade não são.

Sim, eu quero.

O que você pensa sobre emagrecimento e dietas? Escreva abaixo!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *