Como treinar a mente para emagrecer (e nunca mais ter problemas com o peso).

Como treinar a mente para emagrecer (e nunca mais ter problemas com o peso).

9 de janeiro de 2017

Existem diversas maneiras e coisas diferentes que você pode tentar nos seus esforços para emagrecer. A maioria das pessoas que resolve começar a emagrecer, naturalmente, começam a reparar no número de calorias que consomem e no quanto estão se exercitando.

Claro que são fatores fundamentais neste caso.

Entretanto, um fator importante e frequentemente deixado de lado é a nossa mente.

banner método emagrecimento fácil

Assista a versão em vídeo:

 

Aproveite e inscreva-se no nosso canal do Youtube clicando na imagem abaixo

 

A sua mente pode ser treinada – por meio de várias técnicas – para ajudar nesse processo de emagrecimento. Só que a maioria das pessoas não se dá conta disso e, como resultado, enfrenta uma batalha muito mais difícil para perder peso.

O que a sua mente tem a ver com emagrecer

habito-comer

banner método emagrecimento fácil

Apesar de a maioria não correlacionar a própria mente com a perda de peso, há um elo muito forte entre os dois. Mesmo que não nos demos conta disso, nossa mente foi programada, ao longo dos anos, para fazer coisas como associar comida com determinados eventos e atividades.

Por exemplo, quando uma pessoa vai ao cinema, as chances são enormes que ela vá consumir pipoca, mesmo se já estiver sem fome.

E há uma infinidade de outras situações semelhantes:

  • Festas: Sempre associamos festa com comida ou bebida. Mesmo que não esteja com fome, é provável que vá consumir algo;
  • Reuniões: Boas chances de as pessoas na reunião acabarem comendo alguma coisa que esteja disponível em uma bandeja, mesmo sem fome, só porque está ali;
  • Horas específicas: Nossa mente é capaz de associar alimentos com certas horas do dia. Pode ser que você não esteja com fome às 10 da manhã, mas se tiver o hábito de sempre comer nessa hora, você pode acabar comendo simplesmente por comer;

Em nossa mente, não apenas eventos e horários do dia criam ligações com alimentos. A comida também está altamente ligada às nossas emoções. Um clichê clássico de televisão é a pessoa – após uma desilusão amorosa – atacar um pote de sorvete. Pode ser que você, ao se sentir triste, com tédio ou depressão, sem se dar conta, acabe comendo para aliviar essas emoções (apesar do que, existe um motivo pelo qual você escolhe exatamente alimentos que são ruins para seu emagrecimento, mas isso é assunto para outro artigo – que você pode conferir aqui).

Como re-treinar a sua mente para emagrecer

A boa notícia é que existem técnicas que você pode usar para treinar a sua mente para quebrar essas associações com comida e várias emoções, atividades, eventos e horários. Uma vez que você consiga quebrar esses elos, terá muito mais controle sobre quando, e porque vai comer algo, o que tornará muito mais fácil a sua tarefa de emagrecer. O termo “pense magro” não existe à toa!

É importante frisar que existem várias técnicas para atingir esse objetivo, e diferentes técnicas serão mais eficazes para pessoas diferentes. Desta forma, não existe uma estratégia que seja universal. É o caso de descobrir qual delas funciona melhor para você.

Seguem algumas destas técnicas:

Diário alimentar

diario alimentar ajuda a manter em mente o que está comendo.

Ter um diário alimentar é uma das melhores formas de manter em mente o que está comendo.

É uma das melhores formas de abordar o problema. Anotando tudo o que você come é quando você terá uma ideia do que anda colocando para dentro de si, de seus hábitos alimentares, e também das razões pelas quais come.

Provavelmente você descobrirá que em diversas ocasiões, você come mesmo sem estar com fome, mas por causa de hábitos ou de emoções.

Basicamente o diário alimentar permite que você descubra onde está errando, e onde precisa fazer mudanças.

Dois exemplos de como ele pode te ajudar:

1- Você se lembra do que comeu na terça feira passada, no almoço? Provavelmente não (a não ser que tenha sido uma ocasião especial ou que você sempre coma a mesma coisa), mas se você anotar tudo que come, no momento em que estiver se perguntando “onde foi que eu errei”, pode ser que ao consultar seu diário, veja que na terça passada está escrito “Almoço: Big Mac com batata grande e Fanta laranja”. Aha! Isso ajuda você a registrar o erro e claro, reduz a chance que você o repita (ao menos eu espero que sim).

2- Numa semana que você tenha perdido um bom peso, você saberá EXATAMENTE o que fazer na semana seguinte. Basta repetir o que está escrito no diário, ou então, fazer algo semelhante. Vale aqui a máxima, em time que está ganhando não se mexe.

Sem o diário, esses registros/experiências que fariam você aprender, jamais aconteceriam.

Tirar os alimentos ruins de casa

despensa-alimento

Se desfaça dos alimentos que engordam.

Por sermos humanos, fatalmente vamos cair em tentações, em algum momento. Se essa tentação acontecer na sua casa, e você está com sua despensa cheia de porcarias, já deve ter ideia do que vai acontecer.

Desta forma, a melhor coisa a se fazer é livrar-se destes alimentos, de modo que eles não estejam por perto quando as tentações ocorrerem. E, conforme falamos no nosso artigo sobre fazer compras, você deve se certificar que não está enchendo seu carrinho de supermercado com esses alimentos.

Vale o ditado: “quem não é visto não é lembrado”. E aqui a preguiça pode ser valiosa, acredite se quiser, no sentido de você ficar com preguiça de sair de casa para comprar alguma coisa (e por favor, jogue fora o telefone da pizzaria).

Com o tempo, não tendo esses alimentos ruins em casa, você vai se reprogramar para sequer buscar por eles, e seu corpo agradece.

Controlar suas porções

controlar-porcao

Controle suas porções de forma a cortar o excesso que acaba comendo.

Um número grande de pessoas acaba comendo mais do que deveria em suas refeições, simplesmente porque as porções servidas são muito maiores do que as reais necessidades nutricionais. Basta ver em certos restaurantes, o tamanho exagerado de muitos pratos. Se não acredita, sabia que, nos anos 80, os pratos, em média, tinham 25cm de diâmetro e hoje em dia têm 30cm? E se ainda não acredita, um estudo da Universidade de Cornell, nos EUA, indicou que quando as pessoas recebem um prato maior, elas tendem a aumentar a quantidade que comem. Entretanto, quando comem num prato pequeno, pode haver uma redução de 22% nas calorias ingeridas. Se uma refeição num prato de 30cm tiver 600 calorias, apenas essa simples mudança para um prato menor pode causar, em um ano, a perda de 6,35kg.

É importante aprender a controlar suas porções, porque isso pode lhe ajudar, e muito, a reduzir a quantidade de comida e de calorias que você vai ingerir.

Por exemplo, você pode tentar usar um prato de tamanho menor em suas refeições, de forma que será obrigado a colocar menos comida nele. Outra dica é mastigar lentamente os alimentos, pois isso fará com que sua mente registre o seu nível de satisfação e, com isso, você estará menos propenso a raspar seu prato, ao contrário do que acontece quando você come muito rápido.

Controlar os estímulos

controlar estimulo comer

Peça suporte a amigos quando estiver em momentos sociais, de forma a evitar pressão para comer ou beber.

É algo que vai lhe ajudar a quebrar certos maus hábitos nos quais você vive caindo, e como consequência, você será mais capaz de evitar a comilança desnecessária.

Por exemplo, se você vai a um encontro com seus amigos, pode explicar a situação para eles, de forma que eles te forneçam suporte e você não se sinta pressionado e comer e beber, quando não quiser ou precisar.

Da mesma forma, se você for a uma festa, pode fazer um esforço consciente para passar o máximo de tempo possível conversando com as pessoas, ao invés de ficar próximo ao buffet, petiscando.

Ou se quiser jogar no nível hard (difícil), desafie-se a resistir à uma tentação, e deliberadamente, exponha-se a ela. Por exemplo, ficar cara a cara com dois pedaços de pizza que você gosta, e não comê-los, ou até mesmo apostar dinheiro com alguém (acredite, muita gente faria coisas por dinheiro ou desafio, que não faria sem isso). Se você resistir, meus parabéns porque sua disciplina acabou de receber um upgrade!

Apresentamos aqui algumas técnicas que podem ser utilizadas para treinar a sua mente, no sentido de otimizar sua perda de peso. Parecem coisas simples e até óbvias, mas a maioria das pessoas não se dá conta disso. E isso pode fazer uma grande diferença nos resultados que você vai obter.

Descubra quais são os 7 alimentos que parecem saudáveis, mas que na realidade não são.

Sim, eu quero.

17 disseram o que pensam. Agora é sua vez.

  1. Gostei muito das dicas em relação as técnicas de emagrecimento….

    • Obrigado, Gislaine.

      Fique de olho em nosso site, e também em nossa página no Facebook. Estamos sempre trazendo conteúdo novo que certamente vai ser útil para você!

  2. Muito difícil fazer dietas

  3. Para conseguir emagrecer precisamos de dieta

    • Então, Patricia, qual a lógica de fazer algo que é cientificamente comprovado que vai fazer você engordar de novo depois?

      Dietas não funcionam. É preciso mudar seus hábitos!

  4. O que fazer quando chegamos a um platô e paramos de emagrecer.

  5. Eu já fiz várias dietas : café com bolacha de sal e adoçante ( só comia isso ) a do sopao , só frutas , enfim até emagrecia mas passo tempo voltava tdo !
    Tomei remédios para emagrecer
    Desanimei com tdo e cheguei ano passado a 126 ks. Tenho 1,57
    Dieta não adianta pq a mente precisa mudar
    Agora estou na reeducação alimentar

  6. Acompanho o “Comece a Emagrecer-Acelere seu metabolismo” porque odeio a palavra dieta ou regime. Dá desespero dizer isso, imagine fazer… Então, resolvi tomar algumas providências para perder peso, não apenas por causa da aparência como também por causa de hipertensão e diabetes. Essa última, por si só, já te obriga a entrar na reeducação alimentar. Daí, com a ajuda de uma nutricionista, anos atrás, aprendi algumas coisas e agora acompanho este programa de emagrecimento para manter longe de mim os quilos que eliminei.
    Penso que o emagrecimento é necessário para a saúde e para a melhora da auto estima. Mas isso se completa apenas com a reeducação alimentar que, por si só, emagrece e melhora substancialmente a saúde.
    Recomendo o programa Comece a Emagrecer porque oferece tudo isso: reeducação alimentar através de conhecimento sobre alimentos e a saúde…de maneira leve e até divertida. Eu adoro.
    Enfim: saúde é ter corpo são com mente sã. Gratidão ao Dr. Mauricio Garcia.

    • São depoimentos como o seu que me fazem ver que estou no rumo certo, Inês.

      Eu é que te agradeço!

  7. só serve par quem tem muita força de vontade. não consigo segui dietas.

    • Você está certa.

      Mas tambem estaria certa se dissesse “eu ainda não consigo, mas vou”, ou “eu vou dar um jeito”. Você fez a sua escolha do que dizer a si própria, apenas!

      Histórias e mais histórias de quem não tinha um pingo de força de vontade e a desenvolveu. Basta procurar no Google. Força de vontade não é algo que você nasce com. Se desenvolve.

      Assista esse video para entender como o que você come acaba destruindo sua força de vontade: https://www.youtube.com/watch?v=F0OA0JdpPI0

  8. Tenho médico amanhã, estou muito animada e ao mesmo tempo com medo. Já passei por uma reeducação alimenta outra vez, e não deu muito certo pois tive uma perda muito grande voltei a engordar por problemas emocionais . Enfim estou na luta mas uma vez e vou me esforçar e conseguir outra vez. Obrigada pelas dicas

  9. Estou em dúvida se realmente vou receber todo esse material,alguém pode me dizer se já comprou e deu tudo certo??

    • Alcilene, há um sistema programado para que, assim que você efetue a compra (ou o pagamento do boleto seja processado pelo banco), um email com os dados de acesso é automaticamente enviado para você.

      Nas raríssimas vezes que esse sistema deu erro ou que o cliente teve problemas de acesso, o cliente nos contactou ([email protected]) e nós enviamos o material por meios próprios. Não tem erro!

  10. Leio todos os assuntos. Adoro. Obrigada. Só tá faltando … pra eu começar emagrecer. Que raiva eu quero emagrecer, eu preciso.

O que você pensa sobre emagrecimento e dietas? Escreva abaixo!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *