Dieta para perder peso: quais os segredos do sucesso das melhores.

Dieta para perder peso: quais os segredos do sucesso das melhores.

5 de junho de 2015

Existem diferentes tipos de dieta para perder peso, no entanto, algumas são mais eficientes do que outras, pois buscam uma reeducação alimentar e não usam métodos radicais. Entre elas estão dieta mediterrânea, dieta com baixo teor de carboidratos, dieta paleolítica e dieta baseada em vegetais.
Mesmo que haja discussões sobre qual delas é a melhor, é mais produtivo avaliar o que têm em comum. Para começar, buscam resultados em longo prazo. Mas não é só isso, essas dietas também possuem baixa quantia de açúcar no seu cardápio.

Isso porque o açúcar é definitivamente o pior ingrediente de uma dieta. Mesmo que existam pessoas que consigam moderar a quantidade de açúcar que ingerem, a maioria come demais. Quando isso ocorre, o fígado fica sobrecarregado, sendo “obrigado” a transformar o açúcar em gordura.
É isso o que causa o aumento dos triglicerídeos no sangue. E mais: quando a gordura permanece no fígado, corre-se o risco de desenvolver a doença hepática gordurosa não alcoólica. Outros problemas podem aparecer, como obesidade, diabetes de tipo 2 e doenças cardíacas.

Mais semelhanças entre as melhores dietas.

dieta para perder peso: cortar farinhas refinadas.

banner método emagrecimento fácil

Outro ponto importante que as melhores dietas para perder peso têm em comum é que eliminam os carboidratos refinados, ou seja, os grãos que tiveram todos os seus benefícios para a saúde removidos. Um bom exemplo é a farinha de trigo, conhecida como farinha branca.
Nos países ocidentais, ela é consumida em demasia, pois está presente em pães, massas, bolos e muitos outros alimentos. Porém, os grãos refinados são feitos a partir de uma série de processos industriais dos grãos integrais, removendo quase todos os seus nutrientes.
Dessa forma, no produto final é encontrado pouco mais do que o amido, que são as cadeias de moléculas de glicose. Mesmo que seja fonte de energia, o amido refinado se constitui apenas de calorias vazias.
Sem as fibras encontradas em todos os grãos, o amido pode causar picos rápidos nos níveis de açúcar no sangue, além de não saciar a fome. Assim como o açúcar, os carboidratos refinados estão associados a doenças como obesidade, diabetes tipo 2 e do coração.

dieta para perder peso: cortar óleos vegetais industriais
A dieta perfeita para perder peso é também aquela que elimina os óleos vegetais industriais, como o de soja, milho, canola, algodão e outros. Além de não serem saudáveis, são extremamente usados na culinária e na indústria alimentícia, intensificando os seus efeitos colaterais.
Existem muitos problemas com esses óleos, sendo que um dos principais é o seu alto teor de ácidos graxos ômega 6 poli-insaturados. Diferente do ômega 3, esse ácido graxo não é muito saudável, com o problema ainda de ficar incorporado nas células de gordura do corpo. Entre as consequências do seu uso estão as doenças cardíacas.

O que mais as dietas que emagrecem têm em comum.

dieta para perder peso: escolhendo os melhores alimentos.

As dietas que buscam a reeducação alimentar através de hábitos saudáveis, como evitar os alimentos e ingredientes que prejudicam a saúde, também se assemelham porque eliminam a gorduras trans dos seus cardápios.
Esse tipo de gordura é feita a partir da hidrogenação dos óleos vegetais, deixando-os no estado sólido, mesmo à temperatura ambiente, para aumentar a sua validade. Além de estar associada ao aumento da inflamação e às doenças cardíacas, a gordura trans está em muitos produtos industrializados, como chocolates, sorvetes, biscoitos, bolos, etc.
Além do que evitar nas dietas que buscam o emagrecimento com saúde, os melhores cardápios têm em comum o fato de estimular o consumo de vegetais e legumes, que possuem inúmeros benefícios, sendo que um dos principais é a riqueza de fibras que possuem. Também são ricos em antioxidantes e todos os tipos de nutrientes.
Por fim, outra característica que torna essas dietas eficientes é o fato de se preocuparem mais com o tipo de alimento ingerido e não apenas com as calorias que possui. Ou seja, não há restrição calórica, pode-se comer de tudo, desde que sejam alimentos saudáveis. E isto acaba causando uma “regulação natural” da quantidade de alimentos e calorias que você ingere, pois o que foi ingerido é capaz de causar saciedade.

Veja Mais Sobre Como Emagrecer

Tipos de dieta cetogênica – Qual o melhor pa... Dependendo de seus objetivos e níveis de atividade, você pode precisar experimentar diferentes tipos de dieta cetogênica para obter os melhores result...
Pão sem glúten: 4 receitas deliciosas que vão faze... Que é possível ter pão sem glúten você já deve saber.O problema é que as alternativas de pão sem glúten acabam apenas por substituir a farinha de ...
Abacate engorda? Saiba como ele vai te emagrecer. Muitas pessoas deixam de fora do cardápio o abacate, quando estão controlando o seu peso. No entanto, é verdade que abacate engorda?Na realidade, ...
Batata doce engorda? Não, se você souber usar. Muita gente tem dúvidas se a batata doce engorda e, por isso, costumam excluí-la do seu dia a dia.No entanto esse alimento, além de contar com mui...

Descubra quais são os 7 alimentos que parecem saudáveis, mas que na realidade não são.

Sim, eu quero.

Publicidade

O que você pensa sobre emagrecimento e dietas? Escreva abaixo!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *